quinta-feira, outubro 15, 2015

Minha Sanfoneira

Auricelia Lima: Sanfoneira danada que encantou meu coração, prometendo plantar no nosso quintal, três grãos de feijão e só me entregou dois. 

Eu sei contar, sua maranhense, aprendi na Paraíba, contando seriguela com rapadura, e sei também que tu me enrolou e roubou o meu amor e agora, olha eu, aqui todo lascado, sem eira nem beira, sem um trocado, mas doido de amor por ti e por esses feijões que eram mágicos e dão um trabalho danado...rsss 

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

AmazingCounters.com
Overtons Marine Supply