domingo, julho 13, 2014

7 x 1 Da Soberba ao Estranhamento

1 x 0

Soberba dá lugar ao estranhamento. O que era imortal recebe a visita do mortal no poder do reino da dualidade - os olhos se arregalam, os pelos sobem e um frio na espinha indica, as coisas vão mudar. 

2 x 0

Vishnu dá lugar a Shiva. Tudo está prestes a se transformar. O segundo golpe indica que o controle está prestes a dar lugar ao caos que varre a ordem na Dança de Shamboo que tudo transforma, tudo clareia e faz Reis e Rainhas se tornarem rainhas e reis.

3 x 0

A corrente começa a levar tudo que encontra pela frente, ainda temos a ilusão que podemos nos agarrar nas gramas das margens. Os dedos agarram cada pedacinho de grama, como se fossem cordas, correntes - o desespero já está aparente.

4 x 0

Tudo parece durar uma eternidade, mas para quem assiste de longe, o estranhamento demora alguns minutos. Golpe após golpe, já se reza, já se invoca o Divino. Ateus clamam por Deus, Evangélicos pedem as benções dos Orixás. Porém, o quinto tiro -  tira  - todas as aves dos passarinhos. 

5  x 0 

....

6 x 0 

Já não resta mais nada a fazer a não ser se adaptar. A soberba dá lugar a única coisa a fazer: tentar forças encontrar. Quando não se tem mais controle e sem controle a vida está, a Dança de Nataraja passa a mostrar que a força que tudo leva - naquele momento - é maior que a nossa soberba, o nosso despreparo e não nos resta nada a mais além de aprender com essa força a nós fortalecemos também.

7 x 0
Mahakala com mais um ceifada, mata o sétimo corpo e sob o impacto do sétimos golpe, nós debatemos pela última vez. O estranhamento da morte, ceifa também o tempo e com o tempo, o espaço que tínhamos para fantasias e distorções. E o que fica no lugar? Um último chute de esperança...

7 x 1

O chute é apenas um reflexo daquilo que já foi rei. Maheswara diminui o ritmo da sua Dança Implacável, como quem sabe que aquele ser em cinzas pode se reerguer novamente. Começa a surgir além do brilho da meia-lua do estranhamento que a tudo transforma, a lua nova da criação. Brahma rege a orquestra da transformação das cinzas em alguma outra coisa. Algo novo pode surgir ou pode ser que esse ser que surge das cinzas ainda tenha vestígios de soberba e ainda queira ser Rei e tenha que sofrer mais 3 mortes ou 300 visitas de Shiva até aprender...até aprender que é preciso muito trabalho e dedicação para se recuperar a coroa; e muita paciência e humildade para deixar o reinado nas mãos de quem é mais competente e eficiente para reinar. 


Le Roi Est Mort, Vive Le Roi!


Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

AmazingCounters.com
Overtons Marine Supply