sexta-feira, junho 14, 2013

Graal




Depois de limpar meus pés e esvaziar minhas mãos, enchi a taça de luz e tenho tentado não desperdiçar; a luz que eu pensei ser infinita, é escassa em minha taça e se eu bobear, ela pode acabar. Será que existe alguma forma de conseguir mais?

Conforme prometi, compartilhei a minha taça, dando luz de beber a quem tinha sede. Por vezes, dá vontade de manter a luz só pra mim, mas a essência da luz é ser compartilhada, mesmo que no final, não me sobre nada.

Quando me deram a luz, tive a escolha de carregá-la no bolso ou mesmo no peito; e embora a luz guardada faça a mente ficar iluminada, a luz não é fera para ficar enjaulada em exposição; tolice guardar luz no bolso quando tanta gente sofre de escuridão.

Tenho carregado meu Graal com respeito e amor; e confesso que, vez ou outra, escolho a dedo quem deve beber dessa taça; porém, cada vez que compartilho a minha luz com quem não conheço, a luz da taça parece durar mais. Será esse o segredo?

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

AmazingCounters.com
Overtons Marine Supply