segunda-feira, junho 04, 2012

Jureminha Não Quer Dormir

O berço é gaiola, Jureminha da Floresta finge que é passarinho e não quer parar de piar! É piá praqui, piá praculá!

- Vem pra cama, Jureminha, que já é hora de nanar. - Eu digo, a mãe implora.

- Num vô não! - ela diz - O mundo é só diversão, quero durmi não!

E num dorme!

Vira, revira no berço, resmunga e reclama, não tem canção de ninar que a faça sossegar. Já tentamos leitinho quente, já tentamos teatrinho de conto de fadinhas; mas nada; Jureminha elétrica, aponta para a janela, vai ver, quer voar!

Lá pelas tantas, quando já quase estou dentro do berço, dormindo no lugar dela; ela coça os olhos, faz cara de quem cansou de brincar de acordada e capota! E ela capota de um lado, eu e Auri capotamos do outro...e Jureminha se foi pro mundo dos sonhos, onde continua a aprontar sem ter papai e mamãe para lhe obrigar a dormir.

Um comentário:

Anônimo disse...

To quase comprando suco de maracujá pra dar purinho pra ela...Auri

Ocorreu um erro neste gadget

AmazingCounters.com
Overtons Marine Supply