quinta-feira, outubro 13, 2011

Mãe Tutu


"Eu andava perambulando,
sem ter nada p’ra comer
Fui pedir as Santas Almas
Para vir me socorrer
Foi as Almas que me ajudou
Foi as almas que me ajudou"



Lá vinha a velhinha, pequena e curvada;
Ninguém falava com ela, ninguém falava com ela,
Mas ela benzia a rua,
Benzia rato e ladrão,
Cavalheiro e donzela,
Benzia de tudo
E seguia calada.

Lá vinha eu,
Sem alimento de mente
Sem comida de alma,
Faminto de coisa boa
Sedento de calma,
para ver a luz
na minha caminhada!

E vi essa velhinha,
Preta como a noite,
E logo eu soube,
Ela era vovó,
Era também titia,
mas o povo a conhecia
como Mãe d'eu e de tu
E lá foi Mãe Tutu
Mãe d'eu e de tu
Benzendo eu, a rua
Curando tudo!!!

"Eu andava perambulando,
sem ter nada p’ra comer
Fui pedir as Santas Almas
Para vir me socorrer
Foi as Almas que me ajudou
Foi as almas que me ajudou"

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

AmazingCounters.com
Overtons Marine Supply