sexta-feira, julho 22, 2011

Tradicional ou Natural


Durante as minhas aulas ou palestras, ou mesmo quando sou convidado a falar em algum seminário ou participar de alguma discussão sobre educação, poucos compreendem porque razão, quando o assunto é ensinar inglês, eu não uso o método tradicional de " erro e correção".

Eles argumentam que se eu não corrigir o aluno imediatamente, ele vai criar vícios que tornarão a sua comunicação errada. Eu sempre respondo: " Ora, e lá existe comunicação errada"? Antes que ele atirem as pedras, eu explico: " Eu ensino comunicação! Acredito que mais vale um aluno que tem confiança para se expressar, mesmo com equívocos gramaticais, do que um aluno PHD em vocabulário e estrutura gramatical, porém completamente bloqueado."

Fujo do tradicional como o " devil" foge do livro que está na mesa. Sou praticante do método "Natural" de ensino de línguas estrangeiras: primeiro o sujeito aprende a ter confiança para se comunicar, depois aprende a se auto-corrigir, afinal, ele não terá um professor de línguas no " pocket" a vida inteira.

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

AmazingCounters.com
Overtons Marine Supply