sexta-feira, dezembro 17, 2010

QUANDO O EMPREGO NÃO VEM...

O que havia de errado comigo? Eu tinha tudo para ser contratada: o melhor CV, grande experiência profissional, vivência internacional, inglês e espanhol, referência, carisma, boa aparência e ainda assim, mil ligações, milhares de processos para contratação e nada!

Era uma fase - eu pensava - mas quem eu queria enganar? Já estava ficando desesperada. Contas na porta, dinheiro voando pela janela, e tudo o que eu ouvia era : "paciência, a melhor chance virá na hora certa". Bah! A hora certa não é quando o dinheiro acaba. Precisava de ajuda, socorro, qualquer coisa, já!

Pensei até, Deus me morda!, arrumar um emprego de Operadora de Telemarketing, fazer um concurso público e passar o resto da minha vida, mamando nas tetas dos recursos públicos...argh! Eu era mais que essa pessoa desesperada, mas eu não tinha coragem de me olhar no espelho e me reconhecer...

Fiz! Doeu! E continuei lutando contra o que estava se apresentando e o que estava se apresentando era que eu já não poderia ser contratada; não por haver não vagas, não por falta de ofertas; eu não seria contratada, pois já era tempo de eu assumir o que eu deveria fazer para valer. Durante toda a minha vida, eu tinha arrumado a vida dos outros e esqueci de organizar a minha.

Eu tinha um sonho profissional. Em que momento deixei ele para trás, me agarrando na segurança de fazer qualquer coisa além daquilo que eu vim aqui para fazer? Será que ainda havia tempo?

Assumi o risco e tentei. Comecei de mansinho, devagarinho, quando eu ví, as coisas começaram a ocorrer e comecei a ganhar o meu dinheiro, pouquinho, mas vindo daquilo que eu amava fazer. Hoje, sou rica, não pela conta no banco, mas porque não dependo mais de procurar por trabalho, eu sou o meu próprio emprego!

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

AmazingCounters.com
Overtons Marine Supply