terça-feira, novembro 30, 2010

PERDER

Ela lia um livro no ônibus. Um livro em branco! Branco com pontos, onde ela deslizava os dedos, lendo com a mão, lendo com a mão...brailiando...

Um senhor observava a tudo calado, até que a curiosidade falou mais alto que o respeito a privacidade:

- Oi moça, você é tão bonita, jovem e ceguinha - disse ele com pena e dó, dó e pena no olhar, no falar como uma coisa só, que de fato é, mas ele tinha pena num olho e no outro, só dó! - Quando foi que a senhorita perdeu a visão?

- Eu não perdi a visão - respondeu ela, voz firme e suave, coisa que só mulher educada conhece e sabe expressar quando alguém é indiscreto - Eu nasci assim. Porém, nunca perdi nada na vida, só ganhei. E o senhor?

O velhinho ficou em silêncio... eu também!!!

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

AmazingCounters.com
Overtons Marine Supply