terça-feira, fevereiro 02, 2010

LATA DE LEITE MOÇA FURADA

"Não resista, se dê ao desejo!" - diz a vontade.

Olho a lata de leite moça; a moça me olha de volta. Os seus olhos brilham, brilha ainda mais a minha vontade de furar a lata, beber daquele doce leite condensado, deixar fluir pela minha garganta.

Resisto. Não posso fazer mais isso. Não sou mais criança, adulto não fura lata de leite condensado, na calada da noite.

"Mas é tão bom!!!"

Quem falou isso?

Não fui eu!

Estou sendo assediado. Deve haver algum Erê aqui do meu lado, comandando a minha vontade; preciso ter força e coragem para resistir. A moça é de família, não posso furá-la impunemente, em busca do leite, do doce...ó inferno, que deve ser feito de chocolate e caramelo, com cobertura de leite condesando. Como sofro!!!

"Ceder, surrender, tá esperando o quê?" - a voz volta, pego o abridor. A moça me olha assustada, mas somente no início, depois, ela me dá uma piscada e me convida:

" Faço essas maravilhas desde 1921!"

Ok! Sigo a voz da experiência: furar a lata lá vou eu!!!

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

AmazingCounters.com
Overtons Marine Supply