terça-feira, dezembro 15, 2009

O Estado Crônico no IPPB

Por Lázaro Freire
(Postado na Lista Voadores)
Ontem à tarde, tivemos uma adorável tarde crônica no IPPB, ao som de harpas, cítaras, tambores e gargalhadas. Era o lançamento do segundo livro de CRÔNICAS de nosso irmãozinho paraiba vaga mundo, o querido catador de estrelas Frankito Oliveira.

Antes de mais nada, PARABÉNS, Frank, por mais esse filho, que já nasce ao mesmo tempo mais leve e mais maduro. Texto leve e ágil, brincando com palavras e grafismos, como o Frank é. O menino voador de Letras - as acadêmicas ou de Sâo Tomé - fez, literalmente, as letras alçarem vôo.

Ler o Frank em seu novo grafismo parece brincadeira de criança, tem um quê de conversa amiga ao pé da fogueira, ou em fim de meditação. Há um ar de papo de encontro voador. Aquela vocação chapliniana de teimar em dizer as verdades brincando, com a palavra, com a vida e com o leitor.

Esse livro não é apenas uma coletânea de suas boas crônicas de vida e de viagem. Frankito amadureceu, e ficou mais menino ao crescer. O texto se fundiu ao paraiba, as letras se tornaram médiuns, e você sente a alma do Frank em cada escrito. Raros livros tem leveza conceitual e domínio textual para serem assim.

E como não poderia deixar de ser, foi mais um grande encontro do pessoal da Voadores e do IPPB. Difícil citar sem cometer injustiças. Até o casal Wagner & Olavo Borges estava por lá. Anik, Maisa, Elenice, Cammy, Vítor França, Patrícia Montini, Roger, CH, Adriana Splendore, Fernando Golfar, e mais tanta gente!!!
Gargalhadas inevitáveis, e sacaneadas sem parar.

E houve também a parte espiritual e musical. Com direito ao Frank cantando mantras com acompanhamento de cítara e tambores. Como a turma da diretoria dizia, sacana, lá no canto: Quem precisa de Krishna Das se o Frank também Dah?

Teve também teatro, apresentação (maravilhosa) de harpa com a Auri (esposa do Frank, coitada) e sua professora, meditações xamânicas com o tambor do Vítor França, palhaçadas do Frank, e muito mais. Uma daquelas tardes que - bem ao jeito do Frank - vivemos e cantamos, eternos aprendizes, sem termos vergonha de sermos felizes.

Parabéns, mais uma vez. E obrigado, pelas referências à voadores. Muito bacana - e responsável - vermos a voadores tão citada em mais uma publicação. Mas nas do Frank, sempre de um modo bastante especial.

Há quatro fotos do evento em: http://twitpic.com/photos/voadores

"Eu sei
Que a vida podia ser bem melhor - e será!
Mas isso não impede que eu repita:
É bonita, é bonita e é bonita"

Láz
Ocorreu um erro neste gadget

AmazingCounters.com
Overtons Marine Supply