quarta-feira, outubro 14, 2009

A INSTRUÇÃO

Diante de tantas estrelas, meus olhos brilham as tuas belezas, Mãe Natureza. Lágrimas escorrem pelas pedras do meu rosto e desembocam no lago do meu sorriso. Estou vivo; e contemplo as maravilhas da manifestação da tua criação, Mãe Divina. As tuas bençãos se abrem como um arco-íris no céu de nossas vidas, mesmo quando vivemos em tempestade com as nuvens de nossos vizinhos; por isso, e por tudo mais que eu recebo, sem nem ao menos pedir, ajoelho-me às margens do teu rio para lhe fazer só mais um pedido: Mãe, preciso de instrução!

Ensina-me, Mãe Professora, a colocar em prática o que aprendi no canto do beija-flor. Preciso de força para atingir a maturidade da minha espiritualidade para aguentar receber em meu peito o teu amor. Estou farto de ser apenas uma criança, Minha Mãe, sempre em busca de brilho; caçando fenômenos e buscando provas da tua existência nesse plano de ilusão.

É lindo contar as estrelas cadentes, ficar só olhando os cometas contentes; mas sinto que preciso, nesse momento, de uma colher de energia com gosto de pé-no-chão, Minha Mãe, para que eu faça da espiritualidade o meu dia-a-dia.

Passei muito tempo vislumbrando e pouco tempo de vida praticando, por isso, peço firmeza, Mãe Suprema, para não deixar para depois, a atitude de ser alguém melhor hoje.

Estou muito acostumado com o show do seu amor, bato palmas ao perceber as luzes da minha alma, porém falta algo: não sei como pôr em ação todas essas lições que aprendi e sei que de nada vale continuar colhendo fenômenos, se eu não sei como usar esse conhecimento na minha vida praticando aqui.

Por isso, peço instrução, Mãe das mães, pois pior que alguém que não tem acesso as tuas santas lições; é alguém que recebeu o dom de conhecer um pouco, mas fez desse pouco, diploma nas paredes do ego, livro fechado nas gavetas teóricas da mente e faz desse divino presente água corrente que escorre pelas mãos.

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

AmazingCounters.com
Overtons Marine Supply