sábado, setembro 05, 2009

O PRIMEIRO ECLIPSE

Era o meu primeiro eclipse.

A lua esperava pacientemente a aproximação do galã, que foi chegando sorradeiramente e fazendo a dança do acasalamento. A lua aceitou o convite para a dança e o sol cobriu a lua com o seu brilho e a lua o envolveu em sua sombra.

O céu explodiu em cores mágicas e paralisou um certo neguinho que voltava da escola e nunca tinha visto cena igual.

O Cruzeiro parou; os carros estacionaram; as pessoas para o alto olhavam; até as crianças pararam de brincar e todos olharam para o céu dourado com aquela sombra mágica; e de repente, o menino se deu conta, que já não olhava para o céu, e sim para as pessoas; daí pegou um pedaço de papel, uma caneta e escreveu:

“ No dia em que o Sol casou com a Lua
Toda mundo olhou para cima
Eu olhei para as pessoas”


Foi o meu primeiro poema também.

Talvez não tenha sido exatamente isso que escrevi, mas foi algo assim.

Um comentário:

Anônimo disse...

ameiiiiiiiii,vc anda meio saudosista,ms suas palavras continuam cm sempre lindas

Ocorreu um erro neste gadget

AmazingCounters.com
Overtons Marine Supply