segunda-feira, setembro 21, 2009

A DOIS PALMOS

Por Sergio Kiss
(Texto postado na lista do grupo de estudos do IPPB)

Não podemos, a pretexto de uma busca por melhor situação espiritual ou intelectual, compactuar com qualquer coisa; precisamos de bom senso, discernimento e, principalmente, saber seguir o fluxo da vida com calma, pois ela certamente nos encaminhará para o nosso destino; é só relaxar e ir "aproveitando a paisagem", aprendendo pelo caminho com as coisas, situações e pessoas comuns. No final das contas, sempre serão elas que nos ensinarão muito mais a respeito de nós mesmos.

Uma busca desenfreada e a qualquer custo, geraria inúmeros problemas e, ao contrário do que se poderia pensar, nos desviaria do caminho, criando neuroses e idéias estereotipadas, mas, jamais nos colocaria nele. Todo desejo, mesmo o de iluminação e realização espiritual, quando fora de controle, é um tipo de prisão; é escravidão, porque desejos surgem do ego. E a diferença entre ter desejos em nossas vidas, uma atuação positiva ou não, é que, ao sabermos alinhá-los com os desígnios de Deus, tomamos o caminho da Luz, e os tornamos realizações do Cristo interno, santificando o que era, na sua origem, profano.

Mas, de todos os caminhos que o homem pode trilhar, o mais difícil deles tem apenas dois palmos de distância, que vai da cabeça ao coração, pois, quando saímos das interpretações e malabarismos mentais e passamos a atuar a partir do coração, a verdadeira luz se irradia de nós, transmutando-se no exterior sob a forma de amor e caridade.

Quem, nesta vida, já não sofreu, ou sofre, devido às cobranças, implicações e peripécias de sua própria mente que, situando tudo no contexto da razão, se esquece da docilidade e paz advindas do amor?

Não ha outro inferno além deste, onde vivem encarnados e desencarnados, sem perceberem que o "Céu", ou Paraíso, está ali a apenas dois palmos de distancia.

Peruíbe, 19 de setembro de 2009.

- Nota de Wagner Borges: Sergio Kiss é nosso amigo e participante da lista interna do grupo de estudos e assistência espiritual do IPPB. É coordenador de um grupo espiritual na cidade de Peruíbe, no litoral paulista. Experimenta saídas do corpo desde criança e é pesquisador de temas espirituais e conscienciais.

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

AmazingCounters.com
Overtons Marine Supply