quinta-feira, julho 16, 2009

ATO IV: Os Sonhos


O AUTO DA PIEDADE
Sete atos de Loucura



Sim, os miseráveis também dormem
E os loucos também sonham.
E seus sonhos são lindos
São quadros de Monet
Não com cores de Van Gogh
Ou com os símbolos de Dali
São puro Monet

É estranho:
Quando se é louco na vigília
Se é completamente são nos sonhos


Eu sonho
Ou será que são os sonhos que me sonham?
Eu sonho mundos tão lindos
Que
Às vezes,
Acho que o Criador ficou louco
E deixou em minhas mãos
O Seu Dom de criar mundos

Esses dias
Eu sonhava que pintava uma flor
Ela tinha uma cor que parecia esmeralda
Com pegadas de dourado e nuances de azul
Era tão perfeita e tão delicada
Suas pétalas eram mãos de moça
Seu caule, curvas de Santos
O seu perfume era tão sutil
Que eu o sentia suavemente
Invadindo todos os meus poros
Curando cheiro a cheiro
As amarguras da minha loucura,
Mas antes que a flor
Terminasse o seu trabalho de cura
Acordei com água fria na cabeça...

Esse é o jeito que algumas pessoas me desejam bom dia.

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

AmazingCounters.com
Overtons Marine Supply