terça-feira, setembro 23, 2008

A ARTE SAGRADA DE LAVAR LOUÇA SUJA

Era a minha vez de lavar a louça, mas havia uma sujeira no prato que eu não conseguia tirar. Um resto de algo que virou crosta e água corrente nenhuma conseguia remover. Tentei a esponja com sabão, usei a palha de aço e ainda assim, o prato continuava sujo.

Nervoso, quis até quebrar o prato; mas a minha esposa, com a sua sábia experiência, observando a minha luta, aproximou-se da pia da cozinha e comentou:

- Certas sujeiras não saem tão fácil. É preciso deixá-las de molho para que a água do discernimento, no tempo certo, as remova.


Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

AmazingCounters.com
Overtons Marine Supply