quarta-feira, agosto 06, 2008

EDUCADORA E EDUCANDA

Ursulina trabalha no centro de DST na região central de São Paulo. Todos os dias, ela recebe em sua sala, pessoas famintas por boas noticias, com seus exames embaixo dos braços. É ela, quem abre os envelopes, e fala sobre os resultados, nem sempre pode oferecer boas novas.

A AIDS e outras tantas doenças sexualmente transmissíveis ainda são dragões para muita gente, que mesmo com tanta informação, não conseguem prevenir ou evitar. Não importa se é mendigo ou executivo; há sempre alguém fazendo sexo sem proteção, se tornando uma vitima do prazer.

- O sexo é maravilhoso – diz Ursulina – Não entendo por que tanta gente o transforma em bicho-papão. Contudo, não cabe a mim, julgar ninguém. Tudo que alguém que acabou de descobrir que é soropositivo menos precisa é ouvir lição de moral.

Porém, Ursulina, é algo a mais que uma mensageira: além de entregar sorrisos e tragédias, ela acredita que cada conversa com quem está a sua frente é uma oportunidade de aprendizado para ambas as partes.

- Conversar é olhar nos olhos – explica ela – Não sou uma entregadora de resultados; sou uma educadora e uma educanda. Ninguém é o mesmo, depois que entra e sai dessa sala, nem eles, nem eu.

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

AmazingCounters.com
Overtons Marine Supply