terça-feira, outubro 30, 2018

Oração do Coração

*Oração do Coração*

Irmãos e Irmãs
Nessa sintonia da harmonia e da paz.

Convoco a todos para uma oração nesse fim de noite ou no começo de um novo dia.

Agradeçam às  forças da adversidade e da falta de controle sobre o coletivo pelo *Seu Novo Eu*.

Um *Eu* que diante das forças transformadoras do mundo que não nos dá o que queremos ( é *Sim o que Precisamos*) se MOVE e se FORTALECE ,  usando essa mesma força das adversidades para que *SAIAMOS DAS ZONAS DE CONFORTO* para construir um novo amanhã e o bem estar que precisamos para tocar a nossa vida e cuidar de quem amamos.

Sim .

Do contrário que vcs imaginam, essa força da dualidade, que nos tira do chão, tem o mesmo *PODER* de nós fortalecer as *ASAS* do nosso discernimento e força mental para mudar só o que podemos mudar nessa vida: *NÓS MESMOS*.

EU AGRADEÇO
EU AGRADEÇO
EU AGRADEÇO
por poder MUDAR
SÓ A MIM MESMO 

EU AGRADEÇO
EU AGRADEÇO
EU AGRADEÇO
por poder MUDAR
SÓ A MIM MESMO 

EU AGRADEÇO
EU AGRADEÇO
EU AGRADEÇO
por poder MUDAR
SÓ A MIM MESMO 
🐍🐍🐍

ABC Dê

6. Abc Dê

Ô mestre dá lição pra estudar
Ô mestre dá lição prEu aprender

Pra eu aprender, aprender o ABC
Pra eu aprender, aprender o ABC

O ABC de falar a coisa certa
O ABC de não mais me enganar
O ABC pra poder saber o D

Tô aprendendo as lições da letra D

O D para me desenvolver
O d para me desilinhar
Dessas linhas que me impedem de crescer

Tô aprendendo
Aprendendo o ABC Dê

sexta-feira, outubro 26, 2018

Porque Voto Em Branco

Eu vou votar em branco
Vou anular meu voto
Quero ver o circo pegar fogo
Quero ver o fogo pegar o Ciro
Quero dizer... circo
Eu sei bem o que quero
Não compactuo com tudo isso que tá aí
Nem quero um país comunista
Prefiro ficar aqui na ponte
Só observando
Todo mundo se pegar...hahaha
13 ou 17?
Eu prefiro 0
Nada a ver com o fato que tenho 38 anos e ainda vivo com meus pais
Nada a ver com estar desempregado por opção ( ainda não decidi qual é a minha missão)
Não tem nada a ver com o fato que não consigo sustentar nenhuma relação por mais de 3 semanas ( ainda não encontrei o cara...quero dizer... a mina da minha vida)
Sou branco, mas não sou racista, tenho vários amigos negões
Sou católico não protestante...quero dizer...praticante...mas de vez em quando vou a missa, senão meu pai corta a mesada.
Enfim... vou rasgar meu titulo de eleitor...num serve pra nada mesmo.
E daí, como vou tá na praia, justifico e blz.
Boa sorte procês
Vão todos se fuder, viu?
Se der fascismo, tenho casa em Miami e Cidadania Européia
Se der PT, vou fugir dos petralhas no Caribe...Havana ...só o cigarro
Eu quero mesmo é ver o Ciro...quero dizer...o Circo arder...

quinta-feira, outubro 25, 2018

Como Sobreviver a um Ataque Zumbi

Beleza comum é fácil de achar
Basta abrir seu Instagram
Se vc quiser se tornar essa pessoa bonita
Basta a roupa certa, o cenário certo, a lente correta ...
Mas a verdadeira beleza
Aquela capaz de mostrar as pessoas
Do que você é feita
É única
E eu só vejo ela
Em você
Você é linda
Vocé é bonito
Justamente por ser quem vc é

Agora...para de agir como Zombie, como clone e não deixa a massa te carregar e querer te transformar em mais um tentáculo dela. Use suas próprias palavras. Para de papagaiar o que o outro diz...

Jó! A Baleia está atravessando o Brasil , não a deixe te engolir...monta nela.
h

terça-feira, outubro 23, 2018

Hora de Arrumar a Casa?

Antes de começar qualquer coisa ou terminar qualquer algo, vamos limpar o lixo para ver o que está embaixo.

Na clareza, sem pressa, preparando o olhar para o pensar , calibrando o pensar para o falar, equilibrando o falar com o agir, agindo sem destruir pontes atravessadas, sem queimar portas e janelas tão ainda necessárias, sem cuspir no prato que até então era o alimento que erguia, nutria e esperança dava.

Arrumando a casa para poder manter .

Quem sustenta a sua casa? - já perguntava a menina que de princesinha não tinha nada.

 Quem arruma a sua casa ? - é a próxima pergunta - E o que vc arruma? - é a outra .

Sem as respostas para essas perguntas , vamos seguir como cegos em tiroteio , ferindo quem nos ama, boicotando tudo aquilo que vale a pena ser mantido com respeito.

Daí, depois de muito clareza e observação da nossa bagunça interna, podemos começar a estruturar uma ação. Se for para abandonar um caminho ou alguém, não precisa sair destruindo tudo pelo caminho - basta conversar e dizer : não dá mais, acabou, me deixa ir ! Se for para começar um caminho ou uma relação, não precisa sair na pressa construindo - erramos pelo escassez e pelo excesso ...uma pitada de equilíbrio até em nosso desequilíbrio ajuda a manter relações num nível saudável.

Construir e/ou destruir não é fácil. É caminho árduo, melhor deixar como estar - alguém dirá , embora saiba que nunca é.

 Dói deixar algo pra trás - Dói começar algo do zero...as feridas ficam expostas , não parecem cicatrizar, mas eis o que aprendi essa semana : é quando você está ferido, que Deus fala com você.

Como já dizia um hino do Santo Daime, é na hora da Peia que a Mãe Divina quer falar com você - e é infelizmente - através da ferida que a luz entra. E entra trazendo uma clareza tão grande que vemos como todo esse ciclo doído e doido começou , e a gente se percebe percebendo que só queremos perceber aquilo que a gente quer. Daí o erro, daí a dor do outro que a gente não via, daí a dor nossa que tentamos usar como moeda de troca com a espíritualidade.

- Se existe Deus , Ele não deixaria que isso ocorresse comigo ?

- Se houvesse essa tal espíritualidade, meu negócio estaria dando certo!

- De que vale estar bem no espiritual, se todo o resto está indo de mal a pior?

- Essa tal espíritualidade é mesmo  uma bosta , se fosse boa, as pessoas espíritualizadas não brigariam assim a toa!

E lá vai conclusão em cima de conclusão - porque não houve a clareza para identificar que nessa dimensão onde tudo é integrado , existe uma lei de ação e reação que vai criar prazer ou dor, não importa o quanto religados possamos estar com o Divino. Karma is a bitch!

SE conectados com nossa espíritualidade, já somos assim, imagina de não fossemos...

O buraco começou muito tempo antes ... Não é de agora..tá ai o quê a arrumação te mostra e daí essa mesma arrumação te revela que é possível reconstruir também. Pode levar mais tempo - para destruir basta uma conversa - para se relacionar bem leva anos.

Mas aí onde você está - se vc está aí - tira o seu foco da desgraça . Toda a sua observação esta apenas em um ponto - e não dá para "desver" o problema , por isso, arruma a casa, sustenta essa nova arrumação ...até daqui a pouco que a coisa foge do controle de novo e toda essa fase terá sido apenas um treinamento para alguém que nunca vai se cansar de se melhorar e ao mesmo tempo ajudar quem estiver do lado.

Antes de começar qualquer coisa ou terminar qualquer algo...se lembra - te recorda: você já esteve aí antes e voltará a estar . Portanto, limpa com calma...daqui a pouco tudo isso que não te deixa dormir e ser quem você é...vai passar.

sexta-feira, outubro 19, 2018

Sua Bagunça e Sua Prosperidade

Pára!
Arrume a mesa!
Dá conta da sua bagunça
Abandona
Tudo aquilo que
Te impede de
Usar efetivamente
As suas ferramentas de trabalho
Para de dar esmolas
A sua mediocridade
Para de sentir pena
De si mesmo
Quebra o espelho do coitado
E se arruma
Put yourself together, menino!
E vença!

Mas se organize
Como você quer manter sua prosperidade
Se a sua criatividade é uma bagunça assim?
Começo, meio e fim
Arruma
Não deixa zuado
Não deixe esse rastro da sua arte em forma de algo tão relaxado
Sem capricho
Desastro de algo tão lindo

Disciplina
Para abrir e fechar o caderno depois da sua escrita
Disciplina
Para sujar e limpar a sua pia depois da janta

Sua arte é linda
Sua desorganização é o que afasta a prosperidade

" A prosperidade é uma musa muito caprichosa
Se vc não se arruma
Ela vai embora ..."

Entao... SE arruma
E ruma
Rumo ao equlibrio entre o caos da tua criatividade e a ordem do trabalho bem terminado

" E tudo aquilo que não é bem feito,
Volta pra gente fazer direito "

quinta-feira, outubro 18, 2018

Meditação com o Daciolo e o 13 e o 17

Oração  do Discernimento

Ah, Senhor!
Se eu tivesse
Que pedir algo,
Eu pediria
Pingos de discernimento;

Pingos,
Pois o Senhor sabe
O quanto para mim é lento,
Compreender
Quem nem tudo
Que leio ou escuto
É ensinamento;

Pingos,
Pois quero ir devagar
Chegar bem
Bem chegar;
Por isso te peço
Pinga discernimento
Em mim
Ou pensando bem...
Nem precisa pedir, não é?

Oh Senhor...

Peço discernimento...Haddad, Bolsonaro, Cabo  Daciolo gritando na montanha...

Senhor... Peço...zumbis...ataque de zumbis comendo a democracia...

Ohh Senhor...

Ommmm
Ommmm

Daciolo me chama de macumbeiro maçom....

Ok...

Haddad , Bolso, Daciolo... bem vindos a minha meditação....

Ommmm Políticos loucos Ommm....

Cansado de lutar com os meus pensamentos, virei a mesa e os convidei para jantar.

Eles ficaram confusos, e ao invés de passearem para lá e para cá; em dúvida, aceitaram meu gesto amigo e se sentaram ao meu lado para degustar o jantar. Foi quando percebi que os pensamentos e as figuras dos politicos não eram inimigos, eles eram meus aliados.

Maldito professor de meditação que sem nada o que fazer, me ensinou erradamente os pensamentos eliminar. Não é preciso se livrar dos pensamentos, só é preciso deixá-los passar.

Sorri e terminei a meditação, enquanto meus pensamentos lavavam os pratos.

- Glória a Deus! - grita Daciolo , uma última vez, indo embora...

E eu os deixo partir

Agora...Está chovendo ...discernimento e aí?

quarta-feira, outubro 17, 2018

Poesia em Tempos de Cólera

A poesia flui pelas mãos facilmente quando tudo está iluminado.

O peito explode em cores: verde, azul, dourado.
As pétalas das flores se abrem e exibem portais belos e primorosos.

Em cada pétala, um acorde da Sinfonia Divina que ecoa lá de dentro, de baixo e de cima, vindo do salão do Pai Adorado.

Em coro, agradecemos os pedidos realizados, as bênçãos, a mesa farta; o dinheiro no bolso, a boa saúde do corpo e os amados que sorriem ao nosso lado.

Em meio a tanta luz, o amor segue fácil e a vida é uma eterna alegria; a fé nos Reinos Alados é certeza e a presença de Deus é tão aparente, que a gente até se pergunta: como é que um dia fomos descrentes?

Daí, o dia é expulso pela noite. E no eterno equilíbrio do mundo, os opostos dançam, Shiva transforma, Atôto sacode as suas palhas e anuncia: é tempo de Kali!

Diante do abismo, o medo toma conta, a descrença avança e nos perguntamos: " Senhor, por que me abandonastes?"
A inspiração seca, o peito se fecha, as flores murcham.

A canção fica muda e o Deus do Amor se transforma no Demônio manipulador que não mais escuta as nossas preces.

Não conseguimos mais olhar para o céu e ver os seres celestes; apenas mantemos as nossas cabeças para baixo, em lamentação profunda do destino nefasto que nublou a nossa vida.

O vento que era morno e doce, agora bate frio e impiedoso no rosto, os lábios se racham, a boca tem sede; mas no coração do iniciado, se falta o leite, é preciso respirar fundo e pacientemente esperar esse tempo passar.

São nesses momentos em que nos tornamos Abraão, sentindo na carne, se conseguiremos permanecer sendo quem somos em todas as estações.

O segredo é lembrarmos que se até as fezes viram adubo; não há nada imperfeito nesse mundo e há uma importante lição escondida em nossos infortúnios.

Nessa instante de desespero, a ostra faz da sujeira uma peróla; o velho sábio faz da tristeza um blues.

É nessa hora que mostramos do que somos feitos, qual a moeda corrente do nosso coração.

Nesse momento, se conseguirmos controlar os nossos pensamentos daninhos que maldizem e culpam tudo e todos; compreenderemos que é na aparente ausência do amor, que devemos ainda mais abrir o nosso peito e mostrar a nossa luz.

A doença e a morte são apenas faces que se viram, nos encaram e partem; o amor e a luz nunca morrem!

Esse tempo de sombras faz parte das forças da natureza que atinge a todos, sem distinção, o assassino ou o curador, o velho ou o menino, o mau ou o bom.

Ninguém está livre de sentir na pele, o gosto da dor e da solidão; mas ficar firme e prestar atenção é um desafio que poucos conseguem suportar sem chorar ou sem reclamar.

Por isso, peço ao Criador, que a minha poesia flua livremente, independentemente do balanço do mar.

Sendo mais um marinheiro da vida, sei que nem sempre, o mar estará calmo e macio; por isso, canto a vocês, meus amigos, mais uma canção de despertar.

AmazingCounters.com
Overtons Marine Supply